quarta-feira, agosto 25, 2004

Quem nasceu para lagartixa nunca chega a jacaré

Este provérbio popular é o sub-título de um artigo de opinião que JPP estreou na Sábado da semana passada.
Fez-me pensar este provérbio. Não há dúvida que, como muitos outros ditos do nosso povo, este tem muita sabedoria. Não há dúvida que quem nasceu para lagartixa nunca chega a jacaré. E, acrescento eu, quão ridículo é ver quem nasceu para lagartixa fazer tudo e mais alguma coisa para de alguma maneira chegar a jacaré. Quase patético por vezes.

2 comentários:

bruno disse...

o ridiculo do ser que não se contenta em ser, mas sim em parecer.
abraço e obrigado pela conta em que tem as minhas capacidades literárias.

Asulado disse...

E é também o título de uma canção de Vítor Silva, que ainda é meu primo ;)